Berçários com câmeras – os pais querem acompanhar a rotina dos bebês

Standard

Berçários com câmeras – os pais querem acompanhar a rotina dos bebês

Berçários com câmeras – os pais querem acompanhar a rotina dos bebês

Nativos digitais – você já ouviu falar deles? Talvez não saiba quem são, mas seguramente lida com eles todos os dias. Sabe aqueles pais que fazem questão de matricular seus filhos em berçários com câmeras? Então…

O termo Nativo Digital foi criado pelo norte-americano Marc Prensky e tornou-se popular com o seu artigo Digital Natives, Digital Immigrants, que foi publicado no ano de 2001. Nesse artigo o autor denomina aqueles que nasceram a partir da década de 1980 como “Nativos Digitais” e os que nasceram antes disso como “Imigrantes Digitais”.

O texto foi escrito como uma crítica ao sistema educacional americano que não tem tido bons resultados nos últimos anos. O autor explica que a queda no rendimento escolar é motivada por instituições despreparadas para lidar com a nova geração.

Os Nativos Digitais já nasceram num mundo com recursos tecnológicos, ou seja: gostam de televisão, preferem videogames do que jogos de tabuleiro, são familiarizados com computadores e celulares e por aí vai. Já os Imigrantes Digitais são aqueles que nasceram e cresceram num mundo completamente diferente do que vemos hoje: gostam de escrever usando papel e caneta, leem livros impressos, costumavam enviar cartas, etc. Acontece que naquele ano de 2001, quem estava lecionando aos Nativos Digitais eram os Imigrantes Digitais, então os métodos e conteúdos utilizados nas escolas já não estavam mais sendo absorvidos e assimilados corretamente pelos alunos.

O autor enfatiza que o mundo digital é um caminho sem volta. Portanto, é uma questão de sobrevivência a adaptação ao que podemos chamar “estilo de vida” dos Nativos Digitais.

O que isso tem a ver com a sua escola?

É importante notar que esse artigo foi escrito em 2001. De lá pra cá esses Nativos Digitais já cresceram e muitos, inclusive, já são pais. Como jovens adultos, essas pessoas passam a ter que tomar decisões do que consumir, quais tipos de serviços contratar, etc.

Não se engane: Eles sempre vão optar por aquilo que atende às suas necessidades. Por mais que seja fundamental a reputação de uma Escola de Educação Infantil, esses pais vão tender a matricular seus filhos em instituições que tenham alguns recursos tecnológicos que pra eles são essenciais, como por exemplo, um berçário com câmeras de monitoramento on-line.

Além de berçários com câmeras, o que mais os pais procuram?

Ter câmeras de monitoramento instaladas não é mais considerado diferencial. Infelizmente, com as tristes notícias que recebemos diariamente, esse item já é considerado indispensável para decidir onde matricular o bebê. O que ainda é diferencial é oferecer o acesso das câmeras on-line, para isso, conte sempre conosco da Berith Tecnologia. Além de berçários com câmeras, os pais estão à procura de instituições que ofereçam recursos tecnológicos que facilitem suas vidas, como agenda on-line, por exemplo. Esse recurso tem custo baixo e vai melhorar a forma como a escola se comunica com os pais Nativos Digitais.

E aí, gostou das dicas? Esperamos que possa se relacionar cada vez melhor com a comunidade em que atua. Nós sempre estaremos aqui para te apoiar.

  • comments | 0